Online

JÁ ERA ESPERADO: Sem Moisés, público foge da Record e faz travessia para o SBT

Moisés
Sem Moisés, público fez travessia para o SBT

por João Paulo Dell Santo
Passada a abertura do Mar Vermelho e qualquer refugo de “Os Dez Mandamentos”, o SBT rufa tambores para comemorar crescimento em todas as faixas do PNT (Painel Nacional de Televisão) sem a concorrência da trama bíblica, o que afetou o desempenho da Record.

À medida que o canal de Silvio Santos evoluiu em todos os horários, a rede de Edir Macedo sentiu a ausência de Moisés (Guilherme Winter). Dados obtidos mostram que o impacto já pôde ser notado na primeira semana de dezembro (de 1º a 7) em comparação com novembro.

Enquanto o SBT cresceu nas médias manhã (2% – de 3.8 para 3.9 pontos), tarde (2% – de 6.4 para 6.5), noite (4% – de 7.6 para 7.9), madrugada (3% – de 2.6 para 2.7) e 24 horas (3% – de 5.1 para 5.2), a Record observou queda de 4% (de 4.0 para 3.8 pontos), 6% (de 6.8 para 6.4), 19% (de 10.2 para 8.3), 0% ( manteve 1.6) e 11% (de 5.7 para 5.0), respectivamente.

Outrora presa das peripécias de Ramsés (Sergio Marone), a Globo também festejou a chegada do mês natalino. A emissora carioca saltou 5% na média noturna (de 22.4 para 23.4 pontos), 1% nas 24 horas (de 12.4 para 12.5) e permaneceu incólume pela manhã (8.1 nos dois recortes), porém, decresceu à tarde (de 13.3 para 13.1), puxada pelos números do “Vídeo Show” e “Sessão da Tarde”, e de madrugada (de 5.6 para 5.5).
Cada ponto equivale a aproximadamente 233 mil domicílios na Média Nacional.

Postar um comentário