Online

HOMOFOBIA: Bispo evangélico tira selfie com Jean Wyllys e escreve no post: “Ou se converte, ou morre”

Bispo evangélico tira selfie com Jean Wyllys e escreve no post: “Ou se converte, ou morre”


ativista LGBT, Jean Wyllys (Pol-J), foi vítima de um mais ataque homofóbico pela internet. Um homem, que se passou por fã do parlamentar, pediu para fazer uma foto com ele: de rosto colado e sorrido largo! O detalhe é que o ‘fã’ disfarçado, na verdade, era o Bispo Marcos Klain, da Comunidade Bíblica da Graça, do Rio de Janeiro.

O problema veio na hora que o bispo publicou a foto com Jean, que é jornalista e baiano de Alagoinhas, nas suas redes sociais e escreveu: “Acho que ele pensou que meu sorriso era pela foto conseguida… Mas ele não sabe que eu só queria colocar minhas mãos sobre ele pra profetizar… “ou se converte, ou morre”. O Brasil é de Jesus!!!”, postou o Bispo Marcos em sua página no Facebook. Os seguidores do religioso comemoraram a iniciativa: “Genial. Muito bom”, escreveu um. Outra publicou: “Ótima ideia”. Veja abaixo o post do bispo:



Muitos internautas saíram em defesa do deputado. “Que Jesus é esse que ameaça alguém de morte? Alguém duvida de que isso seja discurso de ódio? UMA AMEAÇA DIRETA!!!”, escreveu um internauta. Outra declarou: “Temos aqui um claro exemplo do que diz a bíblia sobre falsos profetas. É o que eu sempre digo, Jesus Cristo é legal demais, o que arregaça é o fã clube”.

Orgulho de ser LGBT
Em junho, Jean participou de campanha do Me Salte em alusão ao dia mundial do Orgulho LGBT onde falou dos preconceitos que foi submetido e como passou da vergonha para o orgulho. “A homossexualidade não é pecado”, disse Jean no vídeo. Veja:

(Notícia atualizada às 10h44)

Postar um comentário