quinta-feira, 2 de junho de 2016

Admin

Organização pede retirada de comercial na TV sobre impostos do cigarro

Após 16 anos, o horário nobre da televisão volta a ter propagandas relacionadas ao tabaco. Os filmes, assinados pelo Fórum Nacional Contra a Pirataria e a Ilegalidade (FNPC), são uma campanha sobre a relação entre aumento de tributo dos cigarros e a intensificação do contrabando do produto. A veiculação dos peças publicitárias chamou a atenção da Aliança de Controle do Tabagismo (ATC+), organização não governamental brasileira de enfrentamento às doenças relacionadas ao tabaco, que criou um abaixo-assinado na plataforma Change.org para pressionar a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a retirar as propagandas do ar.

A mobilização defende que esta publicidade é uma tentativa de desinformar a população, especialmente os jovens, porque coloca em cheque a medida mais eficaz para redução do tabagismo: o aumento de preços e impostos. A petição está em www.change.org/PropagandaDeCigarro e a Anvisa está sendo notificada pelo sistema do site.

“Os comerciais do FNPC deixaram a todos nós, que trabalhamos com controle do tabagismo, indignados. Primeiro porque o aumento de preços e impostos de cigarros é comprovadamente a medida mais eficaz para reduzir o tabagismo e segundo porque recolocam os cigarros em anúncios de TV, o que é um retrocesso e precisa ser detido pela Anvisa”, conta Mônica Andreis, vice-diretora da ACT+. De acordo com o site do FNPC, as duas grandes empresas de tabaco do Brasil – Souza Cruz e Phillip Morris – são associadas ao fórum.

Admin

About Admin -

Author Description here.. Nulla sagittis convallis. Curabitur consequat. Quisque metus enim, venenatis fermentum, mollis in, porta et, nibh. Duis vulputate elit in elit. Mauris dictum libero id justo.

Receba Notícias da TV por E-mail

COMENTE E VEJA SE SEUS AMIGOS CONCORDAM!!!