Online

Polícia conclui que irmã de Ângela Bismarchi cometeu suicídio

 http://r7videos-thumbnail.s3.amazonaws.com/ER7_RE_FB_IRMA_ANGELA_452kbps_2012-06-16_22da47a1-b7a6-11e1-917c-c31d865670ff.jpg
Os policiais da 81ª DP (Itaipu) que investigam a morte de Angelina Filgueiras e de seu ex-marido, Márcio Luiz Fonseca, ocorrida no dia 16 deste mês, concluíram que ela cometeu suicídio e que seu atual namorado, Jolmar Milato, matou Márcio. Nesta sexta-feira foi realizada a reconstituição do crime.
- Juntando a necropsia feita pelos peritos, o depoimento de Jolmar e os antecedentes de Angelina, tudo indica que ela praticou suicídio. Estou esperando apenas alguns laudos secundários que não vão interferir no mérito da questão para enviar o caso ao Ministério Público. Devo terminá-lo em meados de julho — disse o delegado Gabriel Ferrando, responsável pelo caso.
Márcio alega legítima defesa e será indiciado por homicídio, mas responderá em liberdade. De acordo com o delegado, Angelina estava em casa, em Piratininga, na região oceânica de Niterói, com o namorado, quando o ex-marido invadiu o lugar. Márcio e Jolmar travaram uma luta intensa e a arma ficou no chão, até que Angelina pegá-la e atirar contra o próprio peito. Em seguida, Jolmar efetuou um disparo contra Márcio.
Angelina, que era irmã da modelo Ângela Bismarchi, tinha 42 anos e era escrivã da Polícia Federal, Márcio era capitão de fragata da Marinha. Os dois estavam separados há três anos.

O Globo

Postar um comentário